Ampliação do quartel dos bombeiros do Torrão concluída em novembro

0

As obras de ampliação do quartel dos Bombeiros Mistos do Torrão, no concelho de Alcácer do Sal, distrito de Setúbal, vão ficar concluídas em novembro, após um investimento de 139 mil euros, foi hoje divulgado.

“Alargamos o parque de viaturas e renovamos os balneários que eram pequenos para os operacionais, que agora ficam com mais condições”, explicou hoje à agência Lusa Joel Avença, presidente da direção da Associação Humanitária dos Bombeiros Mistos do Torrão.

A ampliação do parque de viaturas só foi possível depois da cedência de um terreno municipal, contíguo ao quartel de bombeiros, localizado na vila do Torrão.

“É uma área considerável relativamente ao que existia, porque já não tínhamos condições para albergar as atuais 14 viaturas e, principalmente, pela parte operacional, uma vez que, sempre que um carro de incêndio tinha de sair, era necessário tirar todas as ambulâncias do parque”, relatou o responsável.

Além do alargamento do parque e de uma nova saúda para as viaturas, o projeto, no valor de 139 mil euros e que arrancou no início deste ano, prevê ainda a construção de dois balneários, para ambos os sexos, com energia solar e onde serão instalados novos armários para o fardamento dos operacionais.

“Como tínhamos só uma saída para as viaturas, a nascente, decidimos criar uma segunda alternativa, a poente, melhorando a resposta em termos operacionais”, acrescentou.

A obra no quartel dos Bombeiros Mistos do Torrão, onde trabalham 25 bombeiros, 16 assalariados e os restantes em regime de voluntariado, vai “ao encontro das necessidades sentidas desde o primeiro dia em que iniciamos funções neste espaço”, referiu Joel Avença.

A ampliação e remodelação do quartel conta com uma comparticipação de fundos comunitários na ordem dos 85%, sendo o restante valor assegurado por um subsídio atribuído pela autarquia.

O concelho de Alcácer do Sal conta com duas corporações de Bombeiros Mistos em Alcácer do Sal e Torrão.

Deixar uma resposta

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.

Share This