Grândola: 55 cães apreendidos por maus tratos e abandono

1

Militares do Serviço da Proteção da Natureza e Ambiente (SEPNA) do Comando Territorial de Setúbal, apoiados por militares do Destacamento Territorial de Grândola, apreenderam hoje, dia 1 de abril, 55 canídeos no âmbito de uma investigação conduzida pela Unidade Especializada nos Crimes de Maus Tratos e Abandono a Animais de Companhia, do Departamento de Investigação e Ação Penal de Setúbal.

A apreensão decorreu de uma busca à propriedade dos dois proprietários dos animais, entretanto constituídos arguidos e sujeitos ao termo de identidade e residência.

Após triagem realizada pelo Médico Veterinário do Município de Grândola, cinco dos animais foram conduzidos para acolhimento, assistência imediata e perícia médico-veterinária, por apresentarem sinais de terem sido alvo de maus tratos.

Os restantes, ficaram na posse do respetivo proprietário, o qual foi nomeado como fiel depositário, tendo assim a obrigação legal de os cuidar, ficando proibido de os poder utilizar, doar, vender, enquanto se encontrarem à sua guarda e à ordem do processo.

Dos canídeos apreendidos destacam-se as raças Alano, Beagle, Griffon, PitBull Terrier, Podengo, Sabujo Espanhol e Cão de Fila de São Miguel

Discussão1 comentário

Deixar uma resposta

Share This