Grândola: Bombeiros combateram incêndio num armazém de palha em Ameiras do Incenso

73

Os Bombeiros de Grândola combateram ao longo desta tarde de sábado, um incêndio num armazém com cerca de mil fardos de palha na localidade de Ameiras do Incenso, freguesia de Santa Margarida da Serra, concelho de Grândola.

O alerta foi dado cerca das 12 horas e 46 minutos e no combate às chamas estiveram os Bombeiros de Grândola com 17 operacionais, apoiados por 7 viaturas. Esteve ainda presente uma máquina da Câmara Municipal de Grândola e uma equipa de Sapadores Florestais com 3 operacionais, apoiados por uma viatura.

Ao longo da tarde os bombeiros realizaram o trabalho de rescaldo, um trabalho muito demorado que contou com a ajuda da máquina que retirou os fardos que não foram consumidos pelas chamas para fora do armazém para que fossem molhados.

O proprietário ao ver o armazém a arder sentiu-se mal e foi transportado pelos Bombeiros de Grândola para o Hospital do Litoral Alentejano, onde ficou em observação.

As autoridades vão agora investigar o que terá originado o incêndio que deflagrou numa localidade onde já foram registados este ano 36 incêndios florestais.

Discussão73 comentários

  1. Ainda não foi publicado pala RADIO SINES, a mao criminosa não para sabe que a IMPUNIDADE DE GRANDOLA PAIRA SOBRE SUAS AVNTURAS —-DAÍ Á VONTADE —

    ONTEM DIA 24 DE JULHO PELAS 21H1O. MAIS UM INCENDIO NAS AMEIRAS DO INCENSO,

    !PENSAMOS FAZER UMA MANIFESTAÇÃO DE ” AGRADO AO MINISTÉRIO PUBLICO. Á GNR, DE GRANDOLA PELOS RESULTADOS OBTIDOS NOS 61 INCENDIOS J+A DECORRIDOS NAS AMEIRAS DO INCENSO.

    QUE DESPRETIGIO PARA QUEM DETEM O PODER EM GRANDOLA

  2. Tenho a certeza que enquanto essa ordem de prisão a um lesado/queixoso dos incendios da Ameiras do incenso em grandola PROFERIDA por uma farda da gnr que extrapolou o seu poder, EM CASO ALGUM haverá descanço até A VERDADE IMPIEDOSA SER DITADA E ACIMA DE TUDO A RECUPERAÇÃO DA HONRA DE UMA FARDA RECUPERADA PARA A POPULAÇÃO QUE EM BOA VERDADE E DECERTO O TRIBUNAL DE GRANDOLA SABERÁ COM O SEU DOUTO SABER –FAZER JUSTIÇA .

  3. Ontem dia 30 de julho de 2016, ocorreram pelas 21 horas , mais dois incendios de fogo posto criminosamente.

    O INSÓLITO DE UM DOS FOGOS FOI COLOCADO A 5 METROS DA CASA DE HABITAÇÃO . VALEU OS RESIDENTES ESTAREM AINDA EM ´PE , AINDA ANTES DE TOMAR A MEDICAÇÃO PARA DORMIR.

    NÃO SEI O QUE SERIA CASO JÁ ESTIVESSEM EN DORMENCIA TOTAL,

    TAMBÉM NÃO DEIXA DE SER MUITO GRAVE QUE JÁ OS LESADOS/RESIDENTES NÃO APELAM , NÃO LIGAM O 117, NEM PEDEM A PRESENÇA DA GNR, APESAR DOS CRIMES COMETIDOS SEJAM CRIMES PÚBLICOS , NÃO ACREDITAM, NAS AUTORIDADES QUE GEREM A JUSTIÇA EM GRANDOLA

    É A DESACREDITAÇÃO NAS AUTORIDADES , A INSTALAÇÃO PAULATINA DA REVOLTA E REBELIÃO .
    jÁ NÃO HÁ FORÇA PARA COMPELIR, OBRIGAR PELA FORÇA DA LEI POR UMA AUTORIDADE SUPERIOR AGIR.

    É O LAXISMO TOTALITARIO DE QUEM TEM OBRIGAÇÃO NO CASO EM APREÇO E APENAS SE REMETE Á INCÚRIA.

    PORQUE QUER SE QUEIRA OU NÃO É UM FACTO INDESMENTIVEL JÁ OCORRERAM 63 INCENDIOS NAQUELE LOCAL DE MÃO CRIMINOSA, ESSE É QUE É O FACTO ………………………..

  4. Apenas para efeito de estatisticas dia 3 de Agosto 2016 MAIS UM INCENDIO, nas Ameiras do Incenso.

    JÁ SOMAM 12 INCENDIOS

  5. Apos tantos incendios noticiados o que pode levar á desacreditação dos comentarios, por quem acompanha este drama, basta tão somente ligar para os bombeiros de Grandola sempre solícitos na prestação da informação.

  6. Dissertar sobre os incendios das AMEIRAS DO INCENSO EM GRANDOLA, É PERDER TEMPO.

    Que , legitimamente, e juridicamente, COMO se pode entender , interiorizar, intervir, intrometer-se, interferir , sobre 76 incendios de fogo posto desde 1 ano a esta data QUANDO AS AUTORIDADADES DE DIREITO AINDA ANDAM AO TIO AO TIO,

    ESTA VERGONHA PASSA-SE EM GRANDOLA.
    No meu caso pessoal vou intentar um processo contra o ESTADO e este TERÁ QUE ASSUMIR A CONSEQUENCIAS dos prejuizos , QUE AS SUAS INSTITUIÇÕES POR ” INEPCIA. INCURIA, INCAPACIDADE TECNICA . PROFISSIONAL” EU SEI LÁ O QUE É?????????? ESTÃO gratuitamente a agraciar os residentes das Ameiras do Incenso.

    Para quem não sabe estamos a falar de um aglomerado urbano com terrenos de cultivo, em desde de Julho de 2015 estão a ser alvos de fogo posto criminosamente sob a passividade do ESTADO PORTUGUÊS.

  7. SINTESE DOS INCENDIOS DAS AMEIRAS DO INCENSO

    ANO 2015
    Inicio em 02 de julho e terminus em 04 de Outubro
    ACÇÃO
    42 incendios e 11 não declarados ( em julgamento)

    ANO de 2016
    Inicio em 18 de junho e “terminus” 06 de Outubro.
    ACÇÃO
    Atingiram cerca de 32 ….. incendios e mais de 13 focos s/ intervenção dos bombeiros pela intervenção dos residentes.

    A area ardida este ano superou a do ano anterior, os prejuizos acumulados aos do ano anterior remontam a valores superiores a € 200.000,00.

    Com o exemplo do modus operandi do ano transacto e a sua repetição nos mesmos moldes este ano, como era sabido os residentes mais uma vez foram ” agraciados” pelos então suspeitos referenciados pelas autoridades, e como PRÉMIO tiveram que passar todo o verão sob fogo mas mais grave sob a INDILIGÊNCIA DAS AUTORIDADES LOCAIS .

    Ninguém de direito fez cessar os incendios , revelaram redentismo, uma postura redimida perante o prolongamento de forma espaçada no tempo e que ao seu belo prazer os incendiarios foram colocando fogo com as constantes invasões de propriedade.

    NUM PAÍS DE DIREITO ESTA SITUAÇÃO É INACEITAVEL.

    Veremos o que o Estado terá a dizer sobre esse drama previsivel e as consequências que terá que assumir.

    • Como o desleixo de quem pode acabar e não o faz, assim bem a complacencia e a impunidade a manter-se, quero rectificar que o ultimo incendio ocorreu no dia 19 de outubro pelas 21h30m,

      Pobre daquele que serve apenas para pagar impostos, para além de se tornar um DESGRAÇADO nas mãos de quem detem o poder quando recorre a ele.

  8. No seguimento do comentário anterior é de extrema importância informar a opinião pública que os incendios ocorridos nas Ameiras do incenso foram distribuidos numa DISTANCIA MAXIMA ENTRE PONTOS DE 486 METROS PLANOS. (ESTE/OESTE).

    E EU QUESTIONO LEGITIMAMENTE ??????? Com essa distancia tão curta de acção dos incendiarios ONDE ESTAVAM AS INSTITUIÇÕES QUE FORAM CONSTITUIDAS PARA A PROTECÇÃO DOS CIDADÃOS E DOS SEUS BENS ?????? ISTO É CRIVEL??????

    ESTOU EM PANICO PELO FUTURO DESTE PAÍS. ( bem dizia o outro para emigrarem)

  9. QUEM DIRIA ,
    Tenho que prestar a minha maior DEFERÊNCIA à Sra Ministra da Justiça Sra Drª Francisca Van Dunem, pela sua intervenção nesta data, na abertura da conferência ao tema ” O ESTADO DA JUSTIÇA EM PORTUGAL ”

    PASSO A CITAR:
    – Portugal necessita de mais magistrados especializados.
    – Portugal não tem um quadro de magistrados especializados correspondente aos tribunais especializados.
    – A especialização dos magistrados só a prazo melhorará a qualidade de resposta-
    – Reconhecimento e identificação das ENTROPIAS no plano jurídico.
    – Reavaliação dos circuitos internos e métodos de trabalho para ajudar o funcionamento dos tribunais eliminando assim outros entorpecimento.

    A estas declarações apenas logra-me dizer “CHAPEAU ”

    Ps

    Vejamos se não há uma relação por mais” magra” que seja com O DRAMA DOS INCENDIOS DAS AMEIRAS DO INCENSO EM GRANDOLA.

  10. No dia 2016/11/11 decorreu nas Ameiras do Incenso em Grandola a deslocação do Colectivo de Juizes de Setubal que tem a posse do processo dos incendios ocorridos naquela localidade, com o objectivo de se efectuar mais um passo na consecução do processo. Decorreu como era esperado com o decoro que se lhe exige e veio de facto esclarecer ” in loco” tanto a acusação como a defesa.

    Contudo adianta-se que enquanto este processo de 2015 estará a decorrer, que logo, logo dar-se-á inicio a outro processo de 2016 com o mesmo “quadro”.

    É muito dificil pensar e NÃO SE INDIGNAR, ATÉ REVOLTAR-SE, de que como se pode complacentemente anuir ao vislumbre de 1 incendio em cada 3 dias ou seja A CERTEZA de numa semana de afinco profissional deter os incendiarios em flagrante e restabelecer a segurança daquela zona ou ISTO É PEDIR DEMAIS ÀS ILUSTRES AUTORIDADES????

    Alguem de bom senso me pode explicar COMO SE PODE IGNORAR A MULTIPLICIDADE DE INCENDIOS (cerca de 90 incendios em 2 epocas estivais) LADEADA NUMA FAIXA DE 486 metros / 4,5metros .

    CLARO ESTOU EM PORTUGAL MAIS PRECISAMENTE EM GRANDOLA.

    E ESTÁ TUDO DITO.

  11. ANONIMO DETIDO INCONFORMADO

    Nessa sequencia cronologica e informativa, apos a detenção ILEGITIMA (opinião do arguido) de uma vitima dos incendios ocorridos nas Ameias do Incenso em grandola, por ter a ousadia de exercer O DIREITO legitimo que lhe é conferido pela Constituição Portuguesa ou seja:

    — a exigencia DO FIM DOS INCENDIOS A UM GNR QUE TINHA A SEU CARGO, NA ALTURA ,A INVESTIGAÇÃO. ( Revela-se mais uma vez a ocorrencia de 90 incendios em duas epocas estivais de fogo posto, colocados criminalmente sob a visibilidade das autoridades locais e sem falar dos prejuizos decorridos).

    Aos seguidores desta noticia peço que não se espantem, ademais com a agravante de tentar calar a voz da denuncia, calar o direito a informação. calar o direito a indignação. LUTEI PELA DEMOCRACIA E PENSO QUE SOU UM CIDADÃO QUE VIVE NUM PAIS DEMOCRATICO.

    CONTUDO E INFELIZMENTE

    A esta premissa o ANÓNIMO DETIDO , e contrariamente ao seu passado democratico. não lhe resta outra POSTURA submeter-se a esta pretensao calando sua voz no processo a decorrer sob o nº 13/16.OGAGDL no MP de Grandola- / 2ª vaga de incendios /epoca 2016 nas Ameiras do Incenso em Grandola,

    SEM QUE:

    INCONFORMADO pela “orquestração” dir-se-a mesmo pelo roçar da “cabala”, do referido agente, instruidas no auto de noticia da GNR e sequencialmente, sem assombro ,seguida e suportada pelo MP e sentenciada atraves do socorro das REGRAS DE EXPERIENCIA, DE NORMALIDADE E NORMAL ACONTECER, recorreu para o Tribunal da Relação. com todos os custos monetários que acarretam a relevancia/emergencia da verdade factual e por sequencia fazer-se JUSTIÇA, Todos nós sabemos que o inconformismo e a injustiça instiga ao seu agente seguir a tramitação que o DIREITO lhe permite.

    ou seja

    recorrer a todos tribunais superiores e nomeadamente caso seja necessario ao Tribunal Europeu dos Direitos Humanos e este ultimo pelo facto de Portugal ter ratificado a Convenção Europeia dos Direitos do Homem cuja esfera deste processo em apreço enquadra~se nos seus Direitos pela sua natureza.

    Não vou acabar este meu comentario sem que por piada aos que nao entendem COMO EU a linguagem confusa do DIREITO,

    a uma MENTIRA proferida ENTRE DEPOIMENTOS DE TESTEMUNHAS DE ACUSAÇÃO e gravada em sessão publica de julgamento originando uma reacção emotiva e desfavoravel do publico que assistia, e imediatamente reprimida pela Mrª Juiz

    É CONSIDERADA:

    – Pela recorrente (arguido) …… UMA CONTRADIÇÃO INSANAVEL

    E

    Pelo recorrido ( Ministério Público)…. INEXISTÊNCIA DE CONTRADIÇÃO RELEVANTE

    ATENTE-SE aos significados que a palavra MENTIRA assume em linguagem incomum ao povo e a dificuldade que ela traduz a esse mesmo em processos judiciais quando a iliteracia ainda atinge niveis bastante elevados em Portugal.

  12. DETIDO INCONFORMADO

    Em relação aos incendios de 2015 no dia 02/02/2017 terá a conclusão da audição de todos os intervenientes do processo, apenas por se cumprir as ALEGAÇÕES FINAIS,
    A sentença decerto deverá ocorrer “ainda em Fevereiro”.
    Os lesados, as vitimas AS FAMILIAS, a população de Grandola e anónimos aguardam ansiosamente o desfecho.
    Conquanto o processo dos incendios de 2016 está a decorrer. MAS PENSAMOS QUE SEJA MAIS CÉLERE A BEM DA JUSTIÇA E DO EQUILIBRIIO PSIQUICO DAS VITIMAS , ou seja saimos de um entramos noutro, ( já são 2 anos seguidos de incendios colocados criminosamente)

    É muito injusto ser detido por reclamar direitos de cidadania junto de quem tem o poder de prevenir, resolver erradicar o crime e ao inves por capricho e por MENTIRA (opiniao do detido inconformado) JUSTIFICAR A DETENÇÃO POR QUEM RECLAMA LEGITIMAMENTE. (Opinião do detido inconformado) a aguardar resposta do tribunal da relação de Evora como assim do processo de inquérito em segredo de justiça quanto ao comportamento do agente retentivo

    Solicito á RADIO SINES , estação mediatica de grande relevo desde do inicio dos incendios nas Ameiras do Incenso em Grandola .mantenha esta noticia viva de forma a que se possa informar e sobretudo fazer jus á LIBERDADE E DEMOCRACIA conquistadas no dia 25 de Abril/74.

  13. AO MINISTERIO PUBLICO, Á GNR. Á POLICIA JUDICIARIA, AO COLECTIVO DE JUIZES DE SETUBAL, AO JUIZ DE INSTRUÇÃO CRIMINAL DE SETUBAL A POPULAÇÃO, Á PROCURADORIA GERAL DA REPUBLICA, AO TRIBUNAL CONSTITUCIONAL, AO CONSELHO SUPERIOR DA MAGISTRATURA,

    os incendios nas ameiras do incenso em grandola alem de 2015 e 2016 voltaram , VIVA A JUSTIÇA PORTUGUESA.

Deixar uma resposta

Share This