Grândola: Policia Judiciária esclarece a autoria de dezenas de incêndios florestais em Grândola 

0

A Polícia Judiciária, através do Departamento de Investigação Criminal de Setúbal, concluiu uma relevante investigação que vinha desenvolvendo há cerca de quatro meses, por suspeitas da prática de crimes de incêndio florestal agravado na localidade de Ameiras, concelho de Grândola, na qual tinha já identificado e detido dois homens, com 55 e 18 anos de idade, no mês de outubro de 2015.

Aos detidos foi aplicada, na altura, a medida de coação de obrigação de permanência na habitação e de apresentações periódicas às autoridades.

Os factos ocorreram entre julho e outubro de 2015, período em que foram ateados dezenas de focos de incêndio em torno da propriedade dos presumíveis autores, na zona de Grândola, os quais atingiram e causaram prejuízos avultados aos moradores circundantes.

A investigação realizada permitiu, ainda, constituir arguida uma mulher, de 51 anos, esposa e mãe dos detidos, reunindo trinta e três inquéritos que se encontravam dispersos e separados, imputando aos arguidos detidos, em coautoria, trinta e um crimes de incêndio, e à arguida, entretanto identificada, outros dois crimes da mesma natureza.

Deixar uma resposta

Share This