Nacional: Enfermeiros em greve no Alentejo na quarta-feira

0

Os enfermeiros da região de Lisboa e Vale do Tejo cumprem desde a meia-noite desta terça-feira um dia de greve que se repete na quarta-feira no Alentejo e no dia seguinte no Algarve.

O protesto, que pode afetar consultas, tratamentos e outra atividade programada em hospitais e centros de saúde, foi marcado para demonstrar descontentamento pelo adiamento da revisão salarial dos enfermeiros, enquanto médicos e setores social e privado continuam a receber incentivos.

Nos três dias de greve — um em cada região — serão cumpridos serviços mínimos, como é habitual.

O Sindicato dos Enfermeiros Portugueses (SEP) marcou a greve na Administração Regional de Saúde (ARS) de Lisboa e Vale do Tejo, na região do Alentejo para quarta-feira e no Algarve para quinta-feira, contestando que o ministro da Saúde “retire” a estes profissionais “para custear Misericórdias, PPP’s [Parcerias Público-Privadas] e outros grupos profissionais”.

Nesse contexto, os enfermeiros questionam a tutela sobre se esta é a sua lógica de “equilíbrio orçamental”, já que é o argumento usado pelo ministério da Saúde como “justificação para protelar a revisão salarial dos enfermeiros”.

Deixar uma resposta

Share This