Nacional: Fase ‘Delta’ termina hoje, meios reduzidos a partir de amanhã

0

A fase ‘Delta’ de combate a incêndios florestais termina hoje, pelo que os meios operacionais vão ser reduzidos a partir de terça-feira, sendo apenas reforçados em caso de necessidade.

Durante a fase ‘Delta’ de combate a incêndios florestais, período com risco moderado que decorreu desde 01 de outubro, estiveram no terreno 5.517 elementos, 1.293 veículos e 22 meios aéreos.

Na terça-feira, entra em vigor a fase ‘Echo’, que se prolonga até 31 de dezembro, e no terreno vão estar “as forças de empenhamento permanente e dois helicópteros permanentes”, segundo a Diretiva Operacional Nacional (DON) da Autoridade Nacional de Proteção Civil (ANPC).

Os agentes no terreno para os próximos dois meses são os meios disponíveis nos corpos dos bombeiros, além dos elementos do Grupo de Intervenção de Proteção e Socorro (GIPS) da GNR e da Força Especial de Bombeiros Canarinhos.

A DON adianta que os meios aéreos podem ser reforçados até um máximo de cinco e as forças terrestres até ao máximo indicado para a fase ‘Delta’, sendo a mobilização dos meios determinada pela “avaliação do perigo e do risco”.

A área ardida este ano mais do que duplicou em relação a 2015, tendo os incêndios florestais consumido, até 30 de setembro, 150.499 hectares.

A área ardida este ano ficou “acima da média” dos últimos 10 anos e com valores semelhantes a 2013 e 2010, mas inferiores a 2003 e 2005.

Já o número de incêndios diminuiu este ano cerca de 16 por cento em relação a 2015, tendo deflagrado, entre 01 de janeiro e 30 de setembro, 12.488 fogos, segundo os últimos dados oficiais disponíveis.

 

Deixar uma resposta

Share This