Odemira: Detido em flagrante delito por captura de meixão

0

O Núcleo de Proteção Ambiental de Odemira da GNR, deteve hoje em flagrante delito um homem, de 67 anos, por pesca ilegal de meixão, em Odemira.

A ação decorreu de uma fiscalização no âmbito da Operação Meixão, visando a prevenção e repressão do exercício do ato piscatório por meios e métodos contrários aos legalmente definidos, incidindo sobre pesca ilegal de meixão.

Da operação resultou a apreensão de 600 gramas de meixão, que corresponde a cerca de 4 mil espécimes, podendo atingir o valor de mais de 4 mil euros no mercado final (países Europeus e Asiáticos). Foi ainda apreendido diverso material relacionado com a atividade, sendo o meixão apreendido, devolvido ao seu habitat natural.

A enguia europeia (anguilla anguilla), que na fase larvar é conhecida por enguia juvenil/meixão, é uma espécie considerada em perigo e que tem sofrido grande redução do número de efetivos em razão da pesca ilegal, impedindo desta forma o normal ciclo de reprodução, colocando em causa a sustentabilidade da espécie.

O detido encontra-se, neste momento, a ser presente no Tribunal de Odemira para primeiro interrogatório Judicial.

A operação contou com a colaboração com o Núcleo de Investigação Criminal de Odemira.

Deixar uma resposta

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.

Share This