Odemira: Município integra Concurso Europeu de Arquitetura

0

Odemira é um dos três municípios portugueses que participam na edição de 2015 do Europan 13, um concurso europeu de arquitetura, para criação de um projeto de intervenção de espaço público na aldeia piscatória de Azenha do Mar, no litoral da freguesia de S. Teotónio. A entrega de propostas decorre até ao final de junho, tendo a Azenha do Mar já sido escolhida por mais de 40 equipas de projetistas de toda a Europa.

O concurso, que acontece de 2 em 2 anos, é promovido pela Europan, uma federação europeia que se dedica às questões urbanas e arquitetónicas, na perspetiva do intercâmbio para jovens profissionais na Europa. Na edição de 2015, o concurso Europan mobiliza 46 cidades europeias, envolvendo equipas de arquitetos e outros profissionais, com idades até aos 40 anos, proporcionando contactos internacionais e a realização de operações inovadoras e de qualidade. A equipa vencedora de cada um dos locais participantes no concurso de ideias recebe o prémio no valor de 12.000,00€ e a segunda classificada o prémio de 6.000,00€.

O tema do Europan 13 é “A cidade adaptável”, sendo que o Município de Odemira inscreveu a intervenção na Azenha do Mar no subtema “Como Criar Dinâmicas Positivas a partir de uma Situação Difícil?”, a par de dez locais na Alemanha, Áustria, Bélgica, Espanha, França, Holanda e Noruega.

A Azenha do Mar é um aglomerado urbano piscatório, com 130 habitantes, cujo desafio consiste em adaptá-lo às dinâmicas de uma sociedade contemporânea alicerçada na génese e identidade do lugar. Para a intervenção na Azenha do Mar, o Município de Odemira procura complementaridades urbanas articuladas com a paisagem natural e com as atividades rurais (agricultura e pesca), através da valorização dos recursos locais, nomeadamente dos produtos do mar (peixe, marisco, algas), dos produtos hortícolas (para subsistência), dos recursos energéticos (sol, vento, marés) e dos recursos paisagísticos (percursos e biodiversidade), de forma a promover a flexibilidade dos espaços e a diversificação das atividades económicas, culturais e sociais.

Entre Julho e Setembro decorrerá a fase de pré-seleção das propostas pelos júris nacionais, sendo em outubro a análise comparativa europeia das ideias dos projectos pré-seleccionados e em novembro a selecção final das propostas pelos júris nacionais. Os resultados serão anunciados no dia 4 de dezembro.

Deixar uma resposta

Share This