Região: Organizações civis de defesa do ambiente pedem audiência a António Costa

0

Várias organizações civis que estão contra a prospeção e exploração de hidrocarbonetos na costa portuguesa solicitaram uma audiência, com carácter de urgência, ao primeiro-ministro, António Costa.

Este pedido surge na sequência de nova autorização, conferida pela Direção-geral dos Recursos Naturais, Segurança e Serviços Marítimos (DGRM), para sondagem de pesquisa ao consórcio ENI-GALP para a prospeção de petróleo offshore ao largo de Aljezur sem que tenha havido resposta institucional às objeções, apresentadas por 42.295 cidadãos (e apenas 4 a favor!), durante a consulta pública, referente à atribuição deste mesmo Título de Utilização Privativa do Espaço Marítimo Nacional (TUPEM).

Nesta audiência as organizações da sociedade civil irão apresentar as razões objetivas, e fundamentadas, que sustentam a necessidade de resolução dos contratos de prospeção e produção de petróleo e gás em Portugal.

Deixar uma resposta

Share This