Santiago do Cacém: Apresentada candidatura ao Programa de Contratos de Desenvolvimento Local

0

O Conselho Local de Ação Social de Santiago do Cacém, da Rede Social, presidido por Álvaro Beijinha, reuniu, dia 20 de julho, em Plenário, na Sala de Sessões do Município, para aprovar o Plano de Ação a apresentar na candidatura à terceira geração dos CLDS – Contratos Locais de Desenvolvimento Social.

Na reunião, que contou com a presença de Ana Cláudia Rodrigues, em representação da Segurança Social de Setúbal, foi aprovadoo Plano de Ação que vai ser submetido, até dia 23 de julho, à candidatura instruída pela Portaria 179-B de 17 de junho de 2015.

O Plano de Ação vai ao encontro do estipulado na abertura de concurso e aposta numa concentração de recursos nos seguintes eixos de intervenção: emprego, formação e qualificação; intervenção familiar e parental; capacitação da comunidade e das instituições; informação e acessibilidade.

O Plano foi apresentado pela ADL – nomeada, no Plenário do CLASSC de 6 de julho, entidade coordenadora local da parceria e uma das executoras do CLDS, tendo como coordenadora técnica a psicóloga Raquel Hilário, e pela Intervir.Com, também executora das ações.O Plano de Ação aprovado prevê um total de vinte ações a decorrerem num período de 36 meses.

Os Contratos Locais de Desenvolvimento Social (CLDS) têm por finalidade promover a inclusão social dos cidadãos, de forma multissetorial e integrada, através de ações a executar em parceria com todas as instituições e entidades parceiras do CLASSC, ou não, para combater a exclusão social. Cada projeto inclui ações de intervenção obrigatória que respondem a necessidades diagnosticadas.

Deixar uma resposta

Share This