Santiago do Cacém: Nova Extensão de Saúde de Alvalade já está em construção

0

A nova extensão de saúde de Alvalade está a ser construída na antiga escola do 1.º ciclo da vila. No dia 27 de março, o Presidente da Câmara Municipal de Santiago do Cacém, Álvaro Beijinha, acompanhado pelo Vereador, Albano Pereira, pelo Presidente do Conselho Diretivo da ARS Alentejo, José Alberto Robalo, e pelo Presidente da Junta de Freguesia de Alvalade, Rui Madeira, visitou as obras em curso.

A obra é o reaproveitamento do edifício municipal do antigo refeitório da escola do 1.º ciclo de Alvalade, cedido pela Câmara Municipal. As atuais instalações há muito que não oferecem as condições necessárias para a função que desempenham junto da população. Segundo Álvaro Beijinha, Presidente da Câmara Municipal, “a ideia de reaproveitar o edifício é um assunto que já há vários anos tinha sido abordado, infelizmente não foi tão rápido como todos nós gostaríamos, mas o que importa é que agora está-se a avançar e esperamos que a obra seja concluída o mais rápido possível. As pessoas precisam, em particular os mais idosos e as que têm mais dificuldade de mobilidade.”.

A da obra, no valor total de 300 mil euros, está a cargo da Administração Regional de Saúde do Alentejo e está a ser executada pela empresa Consdep. A adaptação de edifícios para serviços de saúde é uma prática que tem sido utilizada pela ARS Alentejo, como referiu o seu Presidente, José Robalo: “muitos deles são escolas que deixaram de ser ocupadas, que têm construções de boa qualidade e que podem garantir equipamentos adequados para as necessidades na área da saúde. Esperamos que esta obra esteja concluída rapidamente porque as pessoas têm direito a espaços dignos de atendimento.”.

O novo equipamento vai trazer condições renovadas para utentes e profissionais de saúde, uma forte reivindicação da população e das autarquias nos últimos anos, como salientou Rui Madeira, Presidente da Junta de Freguesia: “há muitos anos que este equipamento é reivindicado pela população e autarquias. Já tinha sido lançado concurso há alguns anos e não avançou pelas vicissitudes que o país atravessou na altura. A obra já começou e é mais um exemplo da recuperação de edifícios que temos feito em Alvalade, que estão ocupados por várias associações com serviços estruturais para a freguesia.”

O Presidente da Câmara Municipal, Álvaro Beijinha, relembrou a reunião mantida com o Secretário de Estado da Saúde, na qual o autarca sublinhou a necessidade da construção do novo Centro de Saúde em Santiago do Cacém, para o qual a Câmara Municipal já disponibilizou terreno, e a questão do Centro de Saúde de Vila Nova de Santo André, com a necessidade de intervenção ao nível da cobertura. O Ministério da Saúde referiu que irá avançar, em 2018, com estes novos investimentos, no âmbito do novo quadro comunitário.

 

 

 

 

 

Deixar uma resposta

Share This