Santiago do Cacém: Recriação da Idade Média volta a trazer milhares de pessoas ao Alvalade Medieval

0

A vida quotidiana do homem da Idade Média voltou a ser recriada com todo o rigor em Alvalade, no Município de Santiago do Cacém, nos dias 16, 17 e 18 de setembro, em mais uma edição do “Alvalade Medieval”, que comemorou, este ano, os 506 anos da concessão do Foral Manuelino à vila de Alvalade.

O núcleo histórico foi, à semelhança de anos anteriores, o epicentro de uma festa que compreendeu a realização de um cortejo histórico − onde estiveram representadas todas as classes sociais da época − e uma Feira Medieval animada com trovadores, justas medievais, teatro, mostra e exibição de armas, danças medievais, venda de produtos e ainda um restaurante com ementa medieval.

“É um evento que está absolutamente consolidado, não apenas no concelho, direi mesmo na região e até cada vez mais com uma expressão nacional”, destaca Álvaro Beijinha, Presidente da CMSC. O Alvalade Medieval “contou, uma vez mais, com milhares de visitantes nos três dias”. Os números ainda não são oficiais, mas a estimativa aponta para cerca de 15 mil pessoas, o que, “numa freguesia que tem dois mil habitantes, é um aspeto muito relevante. É um dos eventos que maior número de pessoas atrai ao nosso Município”. Álvaro Beijinha faz questão de “dar os parabéns, uma vez mais, à organização. Tive oportunidade de estar lá nos três dias. Todos os anos há melhorias na feira”, sublinha o Presidente da CMSC, que realça a constante “inovação e criação de coisas novas. É assim que deve ser e é também por isso que tem o sucesso que tem”, conclui o Presidente da CMSC.

Este ano, foi acrescentada mais uma rua na zona do jardim, onde estiveram pessoas a trabalhar ao vivo, houve exposições de animais em todo o jardim e foi criado mais um espaço para as crianças. Houve também mais animação itinerante e mais animação musical. O número de artesãos presentes também foi superior ao do ano passado (cerca de 100), mais 35 do que no ano passado.

O Alvalade Medieval é uma organização da Associação Cultural Amigos de Alvalade e conta, entre outras entidades / instituições, com os apoios da Câmara Municipal de Santiago do Cacém e da Junta de Freguesia de Alvalade.

Deixar uma resposta

Share This