Santiago do Cacém: Santiagro 2015 contou com 30 mil visitantes

0

Álvaro Beijinha, presidente da Câmara Municipal de Santiago do Cacém afirmou que a Santiagro é “uma Feira que engrandece o Município” e que o balanço da edição deste ano é “claramente positivo”. Passaram pelo recinto, nos três dias, cerca de 30 mil visitantes, número semelhante à edição de 2014.

“Correu bastante bem, tivemos três dias com muita, muita gente, muitos milhares de pessoas a entrar no recinto da Feira. Recebi muitas mensagens a dizer que a Feira estava muito boa e muito bem organizada. É claramente um balanço positivo”, assegura Álvaro Beijinha. O Presidente da CMSC destaca os “três espetáculos de muita qualidade, que tocaram em vários tipos de gostos e todas as atividades normais da Feira” e sublinha a importância do certame a nível local: “a SANTIAGRO é uma Feira que engrandece o nosso Município. Certamente que os visitantes, em particular aqueles que vêm de fora, saíram agradados com a edição de 2015”, conclui.

A reação dos expositores foi também destacada por Álvaro Beijinha como um importante sinal do sucesso da Feira. “O feedback foi muito positivo, os expositores estavam contentes e de forma quase unânime disseram-nos que a feira estava a correr bem”, confidenciando a conversa que teve com um dos expositores: “um senhor disse-me que era a primeira vez que vinha à Santiagro e que queria já a ficha de inscrição para o próximo ano, porque seguramente em 2016 estaria de regresso, porque a Feira lhe tinha corrido bastante bem. Isto para nós é importante, porque obviamente a Feira só se faz com os expositores, por mais que a Câmara possa ter imaginação e criatividade na organização. Sem expositores não há Feira”. O Presidente da CMSC enaltece a importância da SANTIAGRO para que os expositores possam “fazer o seu negócio e promover os seus produtos. Também desse ponto de vista foi uma boa Feira”.

Álvaro Beijinha recorda a génese da SANTIAGRO e foca a sua “matriz agrícola, ligada ao mundo rural, à pecuária, à floresta e às atividades equestres”, mas destaca a vontade que a Câmara demonstra, todos os anos, em “inovar e dinamizar” o espaço. “Este ano introduzimos algumas novidades, como são exemplo o passeio de charrete, a prova de gin ou a própria animação do recinto. A gala equestre, não sendo uma novidade, já há alguns anos que não se fazia e foi um espetáculo memorável, com grande qualidade”. Destaque ainda para o “showcooking, que também foi bastante participado”, com o chef André Lopes;e também para “a coqueira, que esteve a fazer os seus cozinhados nas panelas de barro, em lume de chão, que foi algo que também teve muito sucesso, e que em particular os mais jovens não conheciam e perguntavam o que se estava ali a fazer”.

Do ponto de vista do número de visitantes, Álvaro Beijinha adianta um número “ao nível do ano passado”, sendo que a Feira de 2014 foi aquela que teve o maior número de visitantes de sempre (30 mil). O Presidente da CMSC congratula-se com aquilo que considera ter sido “uma grande feira, tanto do ponto de vista do número de entradas, como da própria organização e dos expositores. Penso que a edição de 2015 da Santiagro foi claramente uma aposta ganha”.

Deixar uma resposta

Share This