Sines: A das Artes inaugura Editora com jovem autor

0

A livraria mais premiada a nível nacional nos últimos quatro anos, assume, a partir do próximo sábado, a chancela editorial com o seu nome.

A “A das Artes Editora” estreia-se com o segundo romance de um jovem autor, Gonçalo Naves, que aos 18 anos publicou autonomamente a sua primeira obra, Bem-vindos a esta noite branca, de temática não muito usual para quem com esta idade se dedica às letras. Velhice, solidão, abandono eram os temas centrais da obra.

Com “É no peito a chuva”, o novo trabalho, Gonçalo Naves, agora com 20 anos e a cursar o segundo ano de Direito, vai evidenciando os meandros e perplexidades de uma dicotomia campo/cidade construída por personagens que surgem e se vão, como o camião do lixo madrugador, ou a locomotiva que o não é.

A das Artes recebeu o 1º Prémio de Livraria Preferida dos Portugueses nos anos de 2015 e 2016; Em 2017 foi contemplada com o 2º Prémio; Desde 2014 que acumula as distinções com o galardão Melhor Atendimento (2014, 2015, 2016 e 2017).

Em Sines desde 2003, A das Artes já recebeu mais de cem nomes grandes das artes e letras, de Sérgio Godinho a Robert Wilson, Mia Couto a José Luís Peixoto (que voltará a 19 de dezembro, pelas 18 horas), João Lagarto, David Murray, António Chaínho, Peste & Sida, Valter Hugo Mãe ou o recém premiado com o Prémio Leya, João Pinto Coelho que, aliás, ali irá apresentar o romance vencedor Os loucos da rua Mazur já no próximo dia 2 de dezembro, pelas 11 horas.

O lançamento simultâneo da A das Artes Editora e do seu primeiro livro “É no peito a chuva”, de Gonçalo Naves, está marcado para sábado, 25 de novembro, às 16 horas, no Centro de Artes de Sines.

Deixar uma resposta

Share This