Sines: Banda sonora do documentário Mar de Sines finalista em festival internacional

0

O Festival Internacional de Música para Cinema de Tenerife – Fimucite selecionou o documentário Mar de Sines como um dos cinco finalistas para melhor banda sonora original na categoria de documentário.

Sendo o único representante português, Mar de Sines mostra como é possível a tradição, o património e a modernidade serem combinados numa composição musical orquestrada por gente real, com quem nos podemos cruzar todos os dias.

A banda sonora original foi composta por Charlie Mancini, com a participação de músicos com fortes ligações a Sines, como Miguel Pirret (Guitarra portuguesa), Bruna Domingos (Contrabaixo), Rita Ramos (Violoncelo), Caio Oshiro (Violino e Viola de Arco), Pedro Pereira (Piano), Ana Dias (Flauta Transversal), João Veiga (Harmónica e Guitarra Acústica), Pedro Sequeira, Eduardo Cardoso e João Matos (Percussão tradicional), Simone Ribeiro (Voz Soprano) e Coral Atlântico (Coro).

Da banda sonora original fazem parte temas como “Zinga”, “Ilha”, “Jangada” “Vidas”, “Cerco”, “Lota” “Tempos” e “Mar de Sines”.

Gravada em Sines, no Estúdio Fuga, a banda sonora original permitiu o cruzamento de instrumentos tradicionais, clássicos, vozes, objectos do quotidiano e instrumentos a simular os sons da natureza, tornando-se uma experiencia de trabalho colectivo e multidisciplinar, criada com o intuito de funcionar como fio condutor do documentário.

A gravação teve o apoio de associações locais como o Coral Atlântico, Escolas das Artes do Litoral Alentejano, Sociedade Musical União Recreio e Sport Sineense, Bombeiros Voluntários de Sines, Teatro do Mar, Centro de Artes de Sines e Cinema Girassol.

A banda sonora original de Mar de Sines concorre com projetos como “El hombre que embotelló el sol”, uma produção da televisão pública espanhola, ou “the last ice hunters”, um projecto esloveno com a participação de vários outros países para registar esta última geração de caçadores, numa das zonas mais inóspitas da terra.

Do júri do festival fazem parte nomes como Trevor Jones, compositor da banda sonora original dos filmes “O último dos Moiacanos e “A Liga dos Cavalheiros Extraordinários”, Eimear Noone, compositora da banda sonora original do jogo “World of Warcraft”, ou Daniel Pemberton, compositor da banda sonora original dos filmes “Steve Jobs” e “Rei Artur”.

No âmbito do Fimucite, o documentário Mar de Sines será exibido no “Tenerife Espacio de Las Artes”, em Espanha, no dia 26 de setembro, sendo os vencedores conhecidos a 30 de setembro.

Realizado por Diogo Vilhena e com produção de António Campos, Mar de Sines é um documentário criado pela Câmara Municipal de Sines para valorizar o património piscatório local e permitir que cada vez mais pessoas sejam chamadas a apreciá-lo, a experimentá-lo, a protegê-lo e a vivê-lo a nível económico, desportivo, cultural, gastronómico, profissional e científico.

Esta é décima distinção internacional para o documentário Mar de Sines, depois de ter vencido o prémio “Melhor Filme Etnográfico”, no Festival Internacional do Filme Etnográfico do Recife, Brasil, e ter sido sido selecionado para os festivais EKOFILM e Euro Film Fest, na República Checa, Festival Zero Plus, na Federação Russa, UK Screen One, no Reino Unido, DokART, na Alemanha, CineAntrope, na China, Heritage in Motion, na Holanda, e Festival do Filme Etnográfico do Pará, no Brasil.

Deixar uma resposta

Share This