Sines: CDS-PP exige auditoria às contas da Câmara Municipal de Sines

0

O CDS-PP de Sines considera o anuncio de antecipação do pagamento do PAEL – Programa de Apoio à Economia Local, por parte do Município de Sines de “propaganda política que visa atirar areia aos olhos dos sineenses” e que “a substituição de dívida por dívida, nada mais é do que uma mera operação de finanças”.

Os centristas criticam ainda o facto de a autarquia “não ter realizado uma auditoria independente às contas da câmara” e exigem que “seja feita uma auditoria completa e transparente”, desafiando mesmo Nuno Mascarenhas a não se esconder por detrás de narrativas de “heranças” e de “crise financeira” quando já vai a meio do mandato.

O CDS-PP questiona também no comunicado, para onde vai a “suposta poupança de 350 mil euros nos encargos com juros, visto que Sines continua sem ter os cuidados básicos que a população merece”.

Deixar uma resposta

Share This