Sines: Centro de Artes assinala Semana da Educação Artística

0

O Centro de Artes de Sines (CAS) organiza, entre 23 e 30 de maio, a Semana da Educação Artística 2015, com atividades nas várias áreas de expressão e educação artística.

O CAS associa-se desta forma à Semana da Educação Artística instituída pela UNESCO e proporciona a todos os públicos, das famílias aos agentes educativos, um programa que visa sensibilizar para a importância da arte para o desenvolvimento do ser humano.

A primeira iniciativa do programa é dedicada ao projeto “A Arte / Expressão Plástica numa Inter-Relação com a Matemática / Geometria”, no sábado, 23 de maio. Trata-se de um projeto de Cecília Guerra que pretende desenvolver competências de literacia artística em contexto de jardim-de-infância. O projeto é apresentado às 10h30. Entre as 11h00 e as 12h00 realiza-se um workshop. Também no dia 23, o conceito de criatividade é trabalhado com o apoio de Ana Bela Mendes, professora jubilada da Escola Superior de Educação de Lisboa e da Faculdade de Belas Artes de Lisboa. A abordagem ao tema da criatividade inclui um pequeno enquadramento teórico, às 14h30, e o workshop “Ser ou não ser criativo”, entre as 15h00 e as 17h00.

No dia 24, domingo, às 11h00, Paula Cusati, mediadora de leitura, e André Letria, autor consagrado de literatura infantil, apresentam dois livros da editora Pato Lógico que aproximam os leitores do teatro e da dança. Ainda no dia 24, a partir das 15h00, realiza-se a oficina para pais e filhos “A Arte Cinética: O Encontro da Arte com a Física”, dinamizada pelo Serviço Educativo do Teatro do Mar com a colaboração da professora de Físico-Química Vera Monteiro. Explora-se a relação entre o conhecimento científico e a imaginação.

Na segunda-feira, 25 de maio, Luís António, mestre em educação artística, apresenta um projeto de teatro escolar interdisciplinar sobre o livro “O Principezinho”. Apresentação do projeto às 10h30 e workshop das 11h00 às 12h00.

Na terça-feira, 26 de maio, realiza-se o ateliê “Círculo Dourado”, dinamizado por Aina Bexel. O objetivo é introduzir a Sequência de Fibonacci de forma criativa aos jovens, misturando as disciplinas da matemática e da arte. Uma iniciativa para todas as faixas etárias, com horários para escolas (10h00-11h00 e 11h00-12h00) e para famílias (18h30-19h30). Ainda na terça-feira, às 19h30, é apresentada a adaptação dramatúrgica da obra “A gaivota e o gato que a ensinou a voar”, no âmbito do projeto LCD – Ler, Criar e Dramatizar. Convidam-se todos, e especialmente as famílias, a assistir.

Na quarta-feira, 27 de maio, às 10h30, são projetados pequenos filmes – “Filminhos à solta pelo país” – que transportam as crianças do pré-escolar para os universos da dança, do teatro e da música. Às 18h30 de 27 de maio, é projetado o documentário “Educar com arte”, em que são mostrados vários momentos representativos da atividade diversificada da DSEAM – Direção de Serviços de Educação Artística e Multimédia.

Na quinta-feira, 28 de maio, às 10h30, Ana Cláudia, mestre em Educação Artística, apresenta um projeto onde se juntam o teatro de marionetas, o português e as artes visuais no 2.º CEB. Inclui workshop entre as 11h00 e as 12h00.

Na sexta-feira, 29 de maio, é apresentado o documentário “O cientista de Oz”, exemplo de que a arte e a ciência podem e devem ser trabalhadas em conjunto. Trata-se de uma iniciativa integrada no projeto CineMina / Centro de Ciência Viva do Lousal, que junta cinema e atividades científicas. Para escolas do 4.º ano do 1.º ciclo e alunos do 2.º ciclo (das 10h00 às 13h00) e para famílias (das 20h30 às 23h00).

A Semana da Educação Artística de Sines termina no sábado, 30 de maio, com o ateliê “Teatro de Objetos”, por Mafalda Saloio. Este ateliê explora o jogo do ator no teatro de objetos e terá lugar entre as 15h00 e as 18h00, para jovens e adultos.

Deixar uma resposta

Share This