Sines: Comunicado da Autoridade de Saúde e da Proteção Civil Municipal

2

Novo comunicado da Autoridade de Saúde e da Proteção Civil Municipal, sobre o incêndio que deflagrou na madrugada de ontem, dia 11 de outubro de 2017, na fábrica de reciclagem de pneus da Recipneu, localizada na Zona Industrial e Logística de Sines.

Neste comunicado, Fernanda Santos, delegada de Saúde de Sines, confirma que a situação já está normalizada.

 

Discussão2 comentários

  1. Prezados @RadioSines

    Relativamente ao comunicado em:
    http://sines.pt/frontoffice/pages/862?news_id=882

    É inadmissível que não haja uma referência à Repsol.

    Não sei se foi intencional ou mero descuido na preparação do texto mas denota enorme falta de civilidade e de consideração

    “As operações de rescaldo estão a envolver também meios da APS, da Galp Energia e da empresa Rui & Candeias.”

    Aqui expresso o meu descontentamento com a parcialidade deste comunicado.

    Provavelmente o fumo toldou a visão dos relatores que por isso não se aperceberam da colaboração prestada a nível de colaboradores, disponibilidade de acessos, meios e maquinaria, rede de água, etc. pela Repsol.

    C. Marques

    • Emtretanto a Protecção Civil complementou o comunicado inserindo, em 13/10/2017, referência à colaboração da Repsol:

      “Adenda (2017-10-13): Por lapso, pelo qual pedimos desculpa, não foi referido que, no combate ao incêndio e restantes trabalhos, a Repsol disponibilizou colaboradores, acessos, três veículos pesados e um veículo ligeiro de combate a incêndios, monitores fixos de combate, espumífero e, através da sua rede armada de incêndio, forneceu água aos Bombeiros.”

      ( http://sines.pt/frontoffice/pages/862?news_id=882 )

Deixar uma resposta

Share This