Sines: Greve na Petrogal teve uma forte adesão segundo a Fiequimetal

0

A Fiequimetal anunciou que a greve dos trabalhadores da Petrogal que terminou esta manhã, contou uma “elevadíssima participação” dos trabalhadores.

Segundo esta federação sindical, a greve realizada de 6 a 10 de maio, provocou “a redução da produção e os trabalhos de manutenção foram suspensos nas duas refinarias”, verificou-se ainda “a paragem de terminais petrolíferos e parques de abastecimento de combustíveis”.

Os trabalhadores protestam em defesa da contratação colectiva e contra aquilo que consideram ser “a destruição dos direitos sociais conquistados”, nomeadamente dos regimes de “assistência na saúde e dos complementos de reforma”.

Combatem ainda a desregulamentação e o aumento dos horários, incluindo o combate ao chamado “banco de horas” que visa, segundo a Fiequimetal, “pôr os trabalhadores a trabalhar mais e a receber menos salário”.

Os trabalhadores prometem continuar a lutar até que a administração da empresa ouça as suas reivindicações.

Deixar uma resposta

Share This