Sines: Polícia Marítima investiga derrame no Porto de Sines

0

O Comando-local da Polícia Marítima de Sines recebeu no dia 17 de fevereiro, cerca das 13 horas e 30 minutos, a comunicação da ocorrência de um pequeno derrame de “slops – resíduos oleosos”, no cais do terminal XXI do Porto de Sines (cais dos contentores), durante as operações de descarga desse produto de um navio porta contentores para um camião-cisterna que se encontrava no cais.

​​A Polícia Marítima deslocou-se para o local a fim de avaliar a situação, tendo-se confirmado a existência de um derrame junto ao camião-cisterna, por transbordo dos resíduos da cisterna para o pavimento, tendo algum desse produto escorrido para a água. Foram iniciadas as operações de contenção e limpeza por parte da Autoridade Portuária (Administração dos Portos de Sines e do Algarve – APS), entidade responsável pelas operações dentro do porto.

As operações de limpeza continuaram durante a noite, onde se incluiu o costado do navio na zona afetada. A área atingida foi confinada, mantendo-se algumas barreiras absorventes no local por precaução. Estas operações de contenção, limpeza e remoção do poluente, tiveram o acompanhamento de uma equipa da Capitania do Porto de Sines e da Polícia Marítima, tendo sido reposta a normalidade no local.

O Serviço de Combate à Poluição do Mar (SCPM) prestou de imediato assessoria técnica  e a Policia Marítima realizou as medidas cautelares de polícia previstas para estas situações, procedendo à identificação dos envolvidos e recolha de amostras para efeitos de inquérito.

O SCPM  é o órgão de direção técnica da Autoridade Marítima, responsável  por estabelecer e divulgar a regulamentação orientadora do combate à poluição do mar e, ainda, por gerir todos os recursos humanos e materiais neste domínio, garantindo, respetivamente, o seu treino e operacionalidade.

Deixar uma resposta

Share This