Sines: Porto fecha 2017 com crescimento na Carga Contentorizada, GNL e Granéis Sólidos

0

O Porto de Sines encerra 2017 muito próximo dos 50 milhões de toneladas, o que correspondeu a uma variação homóloga de -2,5%.

Apesar do bom desempenho na carga contentorizada, nos granéis sólidos e no GNL (Gás Natural Liquefeito), a quebra de cerca de 8,5% no Terminal de Granéis Líquidos (TGL) foi determinante para os resultados do ano transato. De lembrar, que em 2016 Sines havia beneficiado da paragem da mono bóia de Leixões, sendo que em 2017 o TGL regressou aos índices de movimentação expectáveis para aquela infraestrutura.

Mas 2017 ficou marcado pelo reforço do contributo do Terminal de Contentores – Terminal XXI no total movimentado em porto. De facto, e pela primeira vez desde a sua entrada em exploração em 2004, este terminal assumiu o lugar cimeiro no que diz respeito aos índices de movimentação, sendo responsável por cerca de 42% do total movimentado em Sines. No que diz respeito ao número de TEUs, por Sines passaram 1,67M TEU, o que corresponde a uma evolução homóloga de 10,3%.

Também o Terminal Multipurpose obteve um bom desempenho em 2017, ultrapassando os 6,3 milhões de toneladas, para um crescimento homólogo de 8,5%. Destaque para o carvão, que em 2017 subiu cerca de 13%.

Mas o melhor resultado, em termos de variação homóloga, foi conseguido pelo Terminal de GNL. Com uma movimentação total a ultrapassar os 2,6 milhões de toneladas, a que correspondeu um crescimento da ordem dos 63%, 2017 foi o ano em que este terminal começou a reforçar a sua posição à escala nacional e internacional, captando novas vias de fornecimento e marcando a sua posição enquanto ponto privilegiado para a receção e expedição de GNL.

Deixar uma resposta

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.

Share This