Sines: Projetos da Escola das Artes do Alentejo Litoral e do Museu de Sines apoiados pela EDP

0

A EDP Produção anunciou, no dia 9 de abril, no Porto, o apoio a projetos do Museu de Sines e da Escola das Artes do Alentejo Litoral (EAAL) no âmbito da 1.ª edição do programa Tradições Locais e Regionais, financiado pela empresa.

O projeto da Escola das Artes do Alentejo Litoral, “Orquestras do Alentejo Litoral Revisitam o Canto”, envolve alunos das várias escolas da sub-região em que a EAAL exerce a sua atividade e assenta na preservação de práticas de tradição oral em desaparecimento. Como uma das expressões públicas do projeto, prevê-se a estreia da obra “Paixão Alentejana”, com a realização de dois espetáculos em Sines integrando grupos de cante alentejano e a tradição da guitarra campaniça e da guitarra portuguesa.

O projeto do Museu de Sines, “Memórias da Praia de S. Torpes”, consiste no levantamento cultural de uma das praias mais ricas da Costa Alentejana em património histórico e etnográfico. A Jangada de São Torpes, o modo de vida entre a terra e o mar dos habitantes e a relação das populações vizinhas com esta praia serão alguns pontos a abordar num projeto de investigação e divulgação que chegará ao público sob a forma de um livro, de uma exposição e de atividades de animação.

Os projetos de Sines foram dois dos 14 projetos selecionados pela EDP entre 122 candidaturas de todo o país. Eram elegíveis projetos que se inserissem nas regiões sob influência da EDP Produção e participassem no objetivo de apoiar as tradições mais genuínas da cultura popular, a preservação da memória coletiva e a produção de bens culturais e a sua divulgação a novos públicos.

Torre de Moncorvo, Marco de Canavezes, Miranda do Douro, Évora, Mirandela e Sever do Vouga foram as outras localidades com projetos vencedores, entre os quais será distribuída uma verba no montante global de 150 mil euros.

Deixar uma resposta

Share This