Sines: Quercus contra poço de petróleo na costa alentejana

0

A Quercus está contra a abertura de um poço de petróleo na costa alentejana.

Em comunicado, a associação ambientalista alerta que um eventual acidente, mesmo que pontual, terá “consequências avassaladoras”.

Para a Quercus as alegadas consequências de um eventual acidente terão efeito “tanto do ponto de vista socioeconómico, como ambiental, afetando irreversivelmente ecossistemas únicos e frágeis, bem como diversas espécies, incluindo aves marinhas, baleias e golfinhos”.

O consórcio entre a Eni e a Galp anunciou que abrirá um poço de petróleo este Verão em Portugal, o primeiro aberto em águas profundas e que ficará situado na costa alentejana, a cerca de 80 quilómetros de Sines.

Deixar uma resposta

Share This