V.N. Santo André: Junta atribui 20 Medalhas de Mérito e duas Menções Honrosas

0

A Junta de Freguesia de Santo André realizou no dia 3 de julho, a cerimónia de Entrega de Medalhas de Mérito e de Menções Honrosas da freguesia.

A iniciativa que decorreu no renovado auditório da Escola Secundária Padre António Macedo, em Vila Nova de Santo André, contou com “casa cheia” para homenagear um total de 22 personalidades/entidades que se têm destacado ou se destacaram nas mais variadas áreas, num evento da responsabilidade da Junta de Freguesia de Santo André.

Numa cerimónia carregada de emoções fortes, foram distinguidas as seguintes personalidades/entidades*, nas diferentes categorias: Desporto: Vasco Mónica e Mónica Galambas. Cultura: António Carlos Coimbra. Associativismo: Os Vilas – Associação de Pesca, Clube de Orientação e Aventura do Litoral Alentejano (COALA) e Grupo Motard de Vila Nova de Santo André. Desenvolvimento Económico: Hotel Vila Park, Padaria Grão D’Ouro, Panificadora de Santo André, Marques e Marques, e Stand Os Putos. Cidadania (a título póstumo): Cláudio Costa, Bruno Chainho e João Carvalho. Cidadania: Teresa Galrão, António Parreira, Álvaro Rangel de Andrade, José Carlos Pereira, Joaquim Célio Santiago e Humberto Campos. Menções Honrosas: Filipe Tiago e Francisco Figueiredo.

As distinções resultaram de um longo processo, nos últimos meses, em que um Conselho Consultivo constituído pelas forças vivas da freguesia avaliou as propostas da Junta e de onde saíram, inclusive, novas propostas de nomes/entidades, que foram posteriormente avaliadas e aprovadas pela Junta e pela Assembleia de Freguesia de Santo André.

Foi ainda entregue, pela primeira vez, o Prémio “Evento de Excelência” da freguesia, que sorriu à Mostra Internacional de Teatro de Santo André, numa votação efetuada pelo movimento associativo local, que teve de escolher entre 26 eventos de reconhecida qualidade que ocorrem na freguesia..

A tarde também foi de homenagem ao Cante Alentejano, declarado Património Cultural Imaterial da Humanidade em 2014, e interpretado, em vários apontamentos ao longo da cerimónia, pelos Baldoregas, pelo Grupo à Cante Alentejano Vozes Além’Tejo e pela Academia Sénior de Artes e Saberes (ASAS).

O evento constituiu um dos pontos altos das comemorações do 13º aniversário da elevação de Vila Nova de Santo André a cidade, que se prolongam até ao final de julho.

Deixar uma resposta

Share This