Barragem de Santa Clara, no concelho de Odemira, está a comemorar 50 anos neste fim de semana

0

A barragem de Santa Clara, no interior do concelho de Odemira, está a comemorar 50 anos, com uma série de atividades promovidas pela Câmara de Odemira em parceria com a Associação de Beneficiários de Mira.

As comemorações arrancaram ontem, com uma série de actividades dirigidas às escolas, nomeadamente acções de promoção ambiental (pela Câmara de Odemira), uma visita às instalações da barragem (pela Associação de Beneficiários do Mira), experiências sobre energia (pela Associação para a Ciência do Alentejo Litoral), pintura mural com Mistik e Gnose, e iniciação à canoagem (pelo Clube Fluvial Odemirense).

Durante o dia de sexta-feira foi ainda inaugurada a exposição alusiva aos 50 anos da barragem pela ZUT! Associação Cultural, que decorrerá em vários espaços de Santa Clara-a-Velha (15h00), seguindo-se, na Casa do Povo, o colóquio “O Plano de Rega, a Barragem e a Charneca” e a tertúlia “Memórias vivas da barragem”.

De noite, no Largo da Igreja Matriz, é apresentado, pelas 21h00, um documentário sobre a construção da barragem.

Para sábado, 11, está prevista, pelas 15h00 na barragem, a cerimónia comemorativa dos 50 anos da obra, com a presença da secretária de Estado do Desenvolvimento Regional, Maria do Céu Albuquerque. Durante a sessão será inaugurado um monumento evocativo da data. Além de actuarem os alunos do Centro de Valorização da Viola Campaniça e do Cante de Improviso e de haver pintura de tela ao vivo por Philippe Peseux.

A festa continua de noite, a partir das 21h30, com o grupo Ala dos Namorados e a Banda Filarmónica de Lavre, seguindo-se um festival piromusical e a actuação do DJ João Machado.

As comemorações dos 50 anos da barragem de Santa Clara terminam domingo, 12. A partir das 9h00 realiza-se o II Trail do Mira e do XIII Percurso de BTT “Terras do Mira” e às 13h00 tem lugar um almoço-convívio. Pelas 15h00 arranca a “Tarde Cultural”, com a actuação do grupo etnográfico” Gentes do Alto Mira”, do Grupo Coral “Cantadores do Desassossego” e do bem conhecido Toy.

Durante os dias de sábado e domingo, das 10h00 às 18h00, haverá passeios de barco, visitas às instalações da barragem, exposição e exibição de documentário sobre a barragem na aldeia de Santa Clara-a-Velha. Nesses mesmos dias haverá transporte gratuito entre a aldeia de Santa Clara-a-velha e a barragem.

Deixar uma resposta

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.