Câmara Municipal de Santiago do Cacém aprova por maioria Prestações de Contas 2017

0

A Câmara Municipal de Santiago do Cacém aprovou por maioria a Prestações de Contas relativa ao ano de 2017. A votação decorreu ontem, quinta-feira, na sua reunião semanal, que teve lugar no Cercal do Alentejo no âmbito da “Presidência nas Freguesias 2018”.

Este é um documento que espelha a situação financeira da Câmara Municipal, bem como o trabalho e os projetos desenvolvidos em todo o Município, nas suas diversas áreas de atuação. A despesa global em 2017, que engloba as Atividades Mais Relevantes(AMR) e o Plano Plurianual de Investimento (PPI), atingiu um valor de 9,2 milhões de euros. A receita do Município no ano 2017 registou um aumento de 9,35% relativamente ao ano anterior, situando-se em 27,64 milhões de euros.

Segundo o Presidente da Câmara, Álvaro Beijinha, “o documento espelha o trabalho progressivo que temos desenvolvido para a redução da dívida. Esta prestação de contas é referente ao fecho do mandato anterior em que reduzimos a dívida em cerca de 50%, mais de 9 milhões de euros, e mesmo num ano de eleições em que cumprimos os compromissos que assumimos com os eleitores conseguimos reduzir a dívida.”.

A Câmara Municipal de Santiago do Cacém tem uma situação financeira estável, sem dívidas a fornecedores a mais de 90 dias, e cumpre um prazo de pagamentos de 25 dias “todo este esforço não pôs em causa a realização de inúmeros projetos para dar mais qualidade de vida às populações havendo também uma estratégia ao nível do Turismo, em que temos conseguido atrair mais turistas ao nosso Concelho, como aferem os dados divulgados pelo INE. Iremos continuar neste mandato a trabalhar próximos das pessoas com honestidade e  competência que é a nossa forma de estar na política.”

O documento foi aprovado com quatro votos a favor, do Presidente e Vereadores a tempo inteiro (CDU), e dois votos contra dos Vereadores do PS e PSD/CDS.

Deixar uma resposta

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.

Share This