Feira do Monte 2018 terminou com um “balanço positivo”

0

O Presidente da Câmara Municipal de Santiago do Cacém, Álvaro Beijinha, fez um balanço positivo da Feira do Monte 2018, que se realizou no Parque de Feiras e Exposições, em Santiago do Cacém, entre os dias 31 de agosto e 2 de setembro.

Para o autarca “não há dúvida nenhuma que esta edição da Feira do Monte foi claramente uma das melhores dos últimos anos. Nos três dias tivemos sempre casa cheia, isso percebeu-se pela concentração de pessoas na zona dos espetáculos, a circular nos pavilhões e nos stands de artesanato, na área dos divertimentos e da feira franca. Por estas razões o balanço é positivo.”
O Autarca sublinhou que durante a visita aos stands teve a oportunidade de conversar com os expositores, os quais “revelaram que ao nível dos negócios estava tudo a correr bem.”

Para Álvaro Beijinha os principais objetivos a que a Câmara se propôs “foram claramente alcançados, ao nível da promoção do nosso Concelho e do nome de Santiago do Cacém. Conseguimos atrair muitas pessoas de fora, e promover os nossos produtos locais.”

Durante a edição 2018 da Feira do Monte foi distinguida como a melhor peça de artesanato o trabalho apresentado por Carlos Campos, do stand Floras Boy, um flamingo feito de galhos e cochos em cortiça. O candeeiro feito de conchas apresentado por Irene Arantes da Hobby&Art recebeu uma menção honrosa. O Lagar da Abela foi distinguido com o prémio de melhor Stand, com a sua fonte de azeite e fotografias com mais de meio século do lagar. Foi ainda atribuída, pela primeira vez, uma menção honrosa ao stand Arte e Traje, de Isaurinda Pereira e aos seus bonecos de pano com trajes tradicionais.

Durante o Certame foram entregues os diplomas aos premiados do concurso de fotografia – “Num Instante…um novo olhar”, a iniciativa insere-se no âmbito da promoção turística do Município de Santiago do Cacém e da edição 2018 da Feira do Monte. Para o vereador Albano Pereira este concurso revela grande importância porque “dá a conhecer o nosso Município, o seu património e a sua beleza.” Para os concorrentes, todos fotógrafos amadores, “é uma forma de darem a conhecer o seu trabalho.” O Vereador sublinha ainda que este ano o número de participantes a concurso foi superior ao de 2017, “sendo que muitos deles são de fora do Município.”

O 1.º prémio foi para Nuno Mateus com a fotografia intitulada “As muralhas” (Castelo de Santiago do Cacém), a Rui Manuel Candeias Sobral foi atribuído o 2.º prémio à fotografia Arrozais (Monte dos Alhos). e Fernando Manuel Paulino recebei o 3.º prémio com a fotografia intitulada “Moinho de Água” (Moinho da Gamita).

Foi mais uma edição de sucesso da Feira do Monte, com a organização da Câmara Municipal de Santiago do Cacém, numa forte aposta na promoção do património e das tradições do Concelho.

Deixar uma resposta

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.

Share This