Odemira preocupada com degradação de estradas nacionais que servem o concelho

0

A Câmara de Odemira, no Alentejo, manifestou hoje “grande preocupação” com o “estado de degradação” das principais estradas nacionais que servem o concelho e anunciou um investimento total de 593 mil euros para beneficiar quatro vias municipais.

Em causa está “o evidente estado de degradação” dos troços entre Cercal do Alentejo, S. Luís, Odemira, S. Teotónio e Odeceixe da Estrada Nacional (EN) 120, entre Ourique, Santa Luzia e Odemira da EN123, e entre S. Martinho das Amoreiras, Luzianes-Gare, Santa Clara-a-Velha, Sabóia e Monchique da EN266, precisa o município.

Num comunicado enviado à agência Lusa, a Câmara de Odemira, no distrito de Beja, refere que o investimento total de 593.592,65 euros, “assumido pela autarquia sem financiamento comunitário”, destina-se a quatro empreitadas, já em curso, para beneficiar duas estradas e dois caminhos municipais “muito utilizados pela população” do concelho.

Trata-se das estradas municipais 552, entre Portela da Fonte Santa e Viradouro, e 532-3, entre Monte da Estrada e Relíquias, e dos caminhos municipais 1162-2, entre Luzianes-Gare e Corte Brique, e 1187, entre Corte Sevilha e Carapetos.

As empreitadas para beneficiar as estradas municipais 552 e 532-3 vão implicar, respetivamente, investimentos de 149.903,75 euros e de 147.206,95 euros.

Já as empreitadas para beneficiar os caminhos municipais 1162-2 e 1187 vão implicar, respetivamente, investimentos de 148.700 euros e de 147.781,95 euros.

A manutenção e a beneficiação da rede viária municipal “acarretam grande esforço financeiro” para a Câmara de Odemira, mas o investimento nas vias “tem sido uma prioridade do município” com o objetivo de “melhorar as existentes e criar novas que atenuem o isolamento das populações e possibilitem um intercâmbio económico e social”, refere a autarquia.

Segundo o município, “a grande extensão territorial do concelho de Odemira, com 1.721 quilómetros quadrados, tem inerente uma extensa rede rodoviária”, composta por 314 quilómetros de estradas e caminhos municipais pavimentados e cerca de 200 quilómetros de estradas nacionais.

Deixar uma resposta

Share This