Requalificação do Mercado Municipal de Santiago do Cacém custa 300 mil euros

0

O Mercado Municipal de Santiago do Cacém, no distrito de Setúbal, entrou em obras e passou a funcionar temporariamente nas instalações do Centro Comercial Miróbriga, na avenida 1.º de Maio, divulgou hoje o município.

As obras de requalificação e modernização do edifício do Mercado Municipal, orçadas em cerca de 300 mil euros, estão inseridas no Plano Estratégico de Desenvolvimento Urbano (PEDU) de Santiago do Cacém, no litoral alentejano.

De acordo com um comunicado da autarquia, os trabalhos, financiados por fundos comunitários, pretendem “reabilitar e reorganizar” o equipamento com o objetivo de “dinamizar o espaço” e “criar melhores condições para os comerciantes e clientes do mercado”.

A empreitada, que tem a duração de quatro meses, contempla intervenções nas instalações sanitárias, nos acessos para pessoas com mobilidade reduzida, ao nível da rede elétrica, cobertura, caixilharia e das bancas dos comerciantes, explicou o município.

A par da remodelação do edifício do Mercado Municipal de Santiago do Cacém, está igualmente prevista, no âmbito do PEDU, uma intervenção no espaço público envolvente, num investimento de 1,8 milhões de euros, que contempla a requalificação de várias artérias da cidade, entre elas a avenida Manuel da Fonseca.

Além do Mercado Municipal de Santiago do Cacém, a câmara prevê investir, ainda este ano, na requalificação dos edifícios dos mercados municipais de Cercal do Alentejo e de Vila Nova de Santo André.

Deixar uma resposta

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.