Santiago do Cacém: Bandeira Azul hasteada na Costa de Santo André

0

A Bandeira Azul da Europa e a Bandeira ‘Praia Acessível’ foram hasteadas, no dia 29 de junho, na praia da Costa de Santo André.

“Penso que este ano, mais do que todos os outros, estão reunidas todas as condições para ser uma época balnear de excelência na praia da Costa de Santo André, depois das obras de requalificação que foram concluídas no final do ano passado”, sublinha Álvaro Beijinha, Presidente da Câmara Municipal de Santiago do Cacém.

“Os nadadores-salvadores já aí estão e o apoio de praia também vai abrir. Da parte do concessionário há essa garantia. Sabemos que, no ano passado, não abriu, com o pretexto de estarem a decorrer as obras. Este ano, não há esse pretexto e o concessionário está a tratar de tudo para que, dentro de poucos dias, o apoio de praia possa abrir”, destaca Álvaro Beijinha. “No entanto, as casas de banho estão a funcionar, o que é absolutamente fundamental para que a bandeira possa ser hasteada”, ressalva o Presidente da CMSC.

Em relação à praia da Fonte do Cortiço, também galardoada com Bandeira Azul, a situação é um pouco diferente. “Há uma concessão que foi atribuída, mas o concessionário ainda não colocou o apoio de praia a funcionar. É uma questão que foge à gestão da Câmara, é da responsabilidade da Agência Portuguesa do Ambiente (APA)”, refere Álvaro Beijinha. “É um processo que, infelizmente, ainda não foi resolvido, por isso tem de ser a Câmara a assegurar o custo com os nadadores-salvadores, para que possa ser hasteada a Bandeira Azul e para que haja resposta na segurança das pessoas”.

A falta de nadadores-salvadores, nesta fase inicial da época balnear, é algo que preocupa o Presidente da CMSC e que está a condicionar a normalidade de circunstâncias na Fonte do Cortiço. Contudo, Álvaro Beijinha tem a expectativa de que tudo se resolva nos próximos dias. “O protocolo com a Resgate já foi assinado e há a garantia, da parte deles, de que, a partir do dia 1 de julho, os nadadores-      -salvadores já estarão na praia”. O autarca compreende as “dificuldades em encontrar nadadores-salvadores nesta fase, pois são jovens que estão ainda a terminar os respetivos anos letivos, nomeadamente universitários”.

A cerimónia contou com as presenças do Presidente da Junta de Freguesia de Santo André, Jaime Cáceres, e do Capitão do Porto de Sines, Velho Gouveia.

Deixar uma resposta

Share This