Santiago do Cacém dedica quatro dias ao mundo rural na Santiagro 2019

0

A agricultura, a pecuária e o setor equestre vão estar em destaque na Santiagro – Feira Agropecuária e do Cavalo, que se realiza em Santiago do Cacém, entre os dias 30 deste mês e 02 de junho.

Promovida pela Câmara de Santiago do Cacém, que prevê investir 230 mil euros “na maior montra” do litoral alentejano, a 32.ª edição do certame, hoje apresentada, vai contar 200 expositores das mais diversas áreas e com um programa preenchido por atividades relacionadas com os setores da agricultura, pecuária, floresta e do cavalo.

“O município investe fortemente nesta feira que é a maior montra do concelho de Santiago do Cacém e da região do litoral alentejano em termos agrícolas e onde há uma aposta clara na divulgação dos produtos locais e nas oportunidades de negócio”, disse o presidente da Câmara de Santiago do Cacém, Álvaro Beijinha.

O autarca falava hoje durante uma conferência de imprensa, realizada na cooperativa agrícola AlenSado, em Alvalade, no concelho de Santiago do Cacém, que se dedica à produção de cereais e de hortícolas, com destaque para o tomate, e conta com cerca de 60 associados no ativo e um volume de negócios de cerca de sete milhões de euros.

O programa dos quatro dias da feira agrícola, que se realiza no Parque de Feiras e Exposições de Santiago do Cacém, vai incluir, além do setor expositivo, ‘showcooks’, demonstração da arte da cocaria, colóquios, provas de vinho e de gin, degustação de cerveja artesanal, ordenha de cabras e garraiadas.

“Certames como este são fundamentais para o desenvolvimento da economia do concelho e o investimento que o município faz nesta feira tem um retorno na economia local muito superior, em especial para o setor do turismo, além da promoção da agricultura”, sublinhou o autarca.

O destaque da edição deste ano da Santiagro, que espera ultrapassar a fasquia dos 40 mil visitantes, volta a ser o cavalo, presença assídua no certame, tendo em conta “a forte tradição em Santiago do Cacém”, com batismos equestres, torneios de horseball e uma gala equestre, gincana a cavalo, demonstração de volteio e aulas de sela.

“O setor equestre tem vindo a ganhar cada vez mais espaço na feira agrícola, tendo uma forte tradição em Santiago do Cacém que é o único concelho do país com um ‘hipódromo romano’ com mais de dois mil anos”, salientou.

O certame conta também com uma exposição permanente de equinos, ovinos, caprinos e bovinos, suínos e aves, num total de mais de 250 animais.

Para os mais novos, a organização preparou um conjunto de atividades para assinalar o Dia Mundial da Criança (01 de junho), no Espaço Natura, com espetáculos de teatro e de magia, jogos, ateliers, hora do conto e modelagem de balões.

Desfiles de grupos corais alentejanos, fado, apresentação do primeiro rum alentejano, a cargo da destilaria Black Pig, uma exposição de fotografia sobre a vida animal, passeios de tuk-tuk motorizado e de carroça e ‘workshops’ de tosquia de ovelhas são outras das propostas da edição deste ano.

O cartaz musical, “focado nos mais jovens”, leva este ano à feira os concertos de DJODJE (30 de maio), Jimmy P (31), Bárbara Bandeira e ProfJam (01 de junho) e Ana Moura (02 de junho), além das atuações de vários dj.

Deixar uma resposta

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.