Sines: Ellalink instala um cabo submarino de comunicações que liga a América Latina à Europa

0

No dia 3 de outubro de 2017, no Centro de Negócios da ZILS, a Ellalink e a aicep Global Parques assinou o contrato para a instalação da estação de entrada na Europa do cabo submarino de comunicações, na presença do Secretário de Estado da Internacionalização, Eurico Brilhante Dias, do Presidente da Câmara Municipal de Sines, Nuno Mascarenhas, do Presidente da aicep Global Parques, Francisco Mendes Palma, e do Presidente da aicep Portugal Global, Luís Castro Henriques.

O Projeto Ellalink instala um cabo submarino de comunicações que liga a América Latina à Europa e instala a estação de entrada na Europa, do cabo submarino de mais de 10.000km, no Centro de Negócios da ZILS – Zona Industrial e Logística de Sines.

A ZILS evidencia a sua capacidade de ser localização de investimentos de todo o tipo de atividade económica.

O cabo submarino ampliará a comunicação entre a Europa e a América Latina. O projeto, no seu conjunto, representa um investimento total de mais de 170 milhões de euros.

A EllaLink, empresa espanhola-brasileira promotora do investimento é operadora de comunicações submarinas. A empresa constrói e opera infraestruturas de comunicação estratégicas, contribuindo para o desenvolvimento da sociedade da informação.

O novo projeto de cabo submarino, com o nome “Ellalink”, permite uma conexão direta e ampla entre a Europa e a América Latina favorecendo a internacionalização de mercados. O interesse da infraestrutura deve-se ao facto de a Europa ser o continente onde se realiza o maior número de conexões internacionais e que oferece acesso direto a 75% dos conteúdos procurados pelos utilizadores da América Latina. A ligação tem assim importância para projetos de colaboração científica entre a Europa e a América Latina.

A nova conexão, de mais de 10.000 kms, permite a ligação direta entre o Brasil e a Europa e permitirá a redução de preço do serviço de internet. Além disso, dará maior segurança na comunicação direta entre a América Latina e a Europa.

O objetivo é que o cabo “Ellalink” esteja operacional em 2019. O cabo liga a cidade brasileira de Santos a Fortaleza, no Brasil, e posteriormente através do Atlântico a Sines, em Portugal. O projeto representa um investimento total de mais de 200 milhões de dólares.

Deixar uma resposta

Share This